Carrinho de compras (0) 0 Carrinho de compras

O seu carrinho está vazio!

Transferir para a loja

Ir às compras
CENTRO DE RECONHECIMENTOS
© Shutterstock

3 motivos pelos quais pode sentir mais cansaço atualmente

Nutrição & Bem-Estar

Estamos todos a tentar adaptarmo-nos à nova normalidade. Eis as razões pelas quais sentir-se mais cansado e menos produtivo não é sinal de preguiça

Todos nós estamos a procurar as nossas formas de nos adaptarmos durante o isolamento ou de trabalhar a partir de casa. Assim que entramos nos nossos perfis de redes sociais, o mais provável é recebermos uma enchente de exemplos de como as pessoas estão a praticar os seus mecanismos de adaptação. Há pessoas que estão a fazer maratonas no quintal, a tornar-se padeiros artesanais, a criar complexos calendários de muitas cores para o estudo em casa ou até a aprender uma nova competência, como uma língua estrangeira. Ver os momentos altos destas pessoas torna-nos suscetíveis a pensar que não estamos a fazer o suficiente. Especialmente quando há dias em que sair da cama já parece uma proeza. Contudo, temos um segredo para lhe contar, que não aparece nos feeds de notícias das redes sociais: sentir-se cansado e desmotivado nestes tempos é completamente normal. Aliás, os especialistas até alertam que é muito mais provável ter casos de fadiga durante o isolamento. Por isso, apresentamos três motivos científicos pelos quais se sente mais exausto e como os pode combater.

1. Insónias em isolamento são comuns

Há muitas pessoas a ter cada vez mais dificuldades em dormir durante esta pandemia. E quanto menos se dormir, mais exausto se sente durante o dia. Num artigo recente, Seema Khosla, médica do sono, afirma: "temos visto mais pessoas preocupadas, mais pessoas mais ansiosas... e mais insónias".

Se está a ter dificuldades em relaxar durante a noite, uma das nossas dicas favoritas é experimentar uma técnica de relaxamento chamada meditação. Existem aplicações que podem ajudar a fazer as diferentes meditações.

2. Mais tempo de ecrã é menos sono descansado

Tendo interrompido as atividades regulares, mais pessoas estão a passar muito mais tempo a olhar para o telemóvel, computador e televisão. Apesar de ser tentador ver as notícias antes de ir para a cama ou dar uma vista de olhos ao feed de notícias, esse tempo de ecrã pode ser o motivo para não estar a dormir bem. De acordo com The Sleep Foundation , a exposição à luz azul emitida destes ecrãs pode adiar a libertação da melatonina que induz o sono, aumentar os nossos níveis de alerta e redefinir o ritmo circadiano do organismo (o nosso relógio interno) para mais tarde.

Se estiver a ter dificuldades em dormir bem, experimente limitar o horário do seu tempo de ecrã. Desligue todos os ecrãs pelo menos 60 minutos antes de ir dormir. Experimente em vez disso relaxar enquanto lê um livro.

3. Pode estar a sentir fadiga de produtividade

Como referimos anteriormente, todas as pessoas que estão online parecem estar a ter uma vida produtiva. E ver estes conteúdos pode deixar-nos assoberbados e a sentir que não estamos a fazer o suficiente. Mas é importante ter em conta que esses são apenas os mecanismos que outras pessoas têm de se adaptar. Sentir-se assoberbado é normal. Tal como adaptar-se a esta nova normalidade de uma forma que lhe pareça correta.

A nossa dica aqui é simples: não tenha expectativas irrealistas para consigo mesmo. Em vez disso, encare cada dia de uma vez e ocupe o seu tempo com atividades que o deixem feliz. Se é fazer um puzzle por dia, ótimo.

Por isso lembre-se, é perfeitamente natural sentir-se mais cansado do que o normal nestes dias. Desde que continue paciente consigo mesmo, vai sentir-se melhor mais cedo do que pensa.

Estamos a usar cookies de modo a oferecer-lhe a melhor experiência no nosso sítio Web. Os cookies são ficheiros armazenados no seu navegador e são utilizados por muitos sítios Web para ajudar a personalizar a sua experiência Web.

Ao continuar a usar o nosso sítio Web sem alterar as configurações, está a concordar com a nossa utilização de cookies.

Compreendi